Raça Yorkshire: Tudo o que você precisa saber!


Neste artigo sobre a raça Yorkshire, eu procurei fazer um resumo sobre tudo o que você precisa saber sobre ela antes mesmo de adquirir um exemplar. Caso já esteja com um filhote, também será importante você saber para tomar os devidos cuidados e prevenções.

Temperamento, aptidões e educação da raça Yorkshire:

 

Os cães da raça Yorkshire são animais um pouco temperamentais e teimosos, porém são extremamente carinhosos e dificilmente conseguem viver em ambientes barulhentos. Por isso, é importante ter um cuidado especial com a presença de crianças por perto, especialmente com as que são mais agitadas.

 

Gostam muito de latir e costumam sinalizar a qualquer movimento “suspeito”, especialmente se perceberem que o seu tutor pode estar correndo algum perigo.

 

São cães dominadores, ciumentos e corajosos, e com isso a convivência com outros animais (mesmo os de grande porte) pode se tornar complicada.

 

Desta forma, necessitam de mais atenção e uma educação mais rígida para melhorar o seu comportamento. Porém, não é recomendado que fiquem muito tempo no colo do seu tutor, pois essa atitude pode acabar tornando-os mais agressivos.

 

O adestramento pode ser o melhor caminho, pois apesar de demorarem um pouco mais para aprender o comando, uma vez aprendido eles costumam obedecer, principalmente ao seu tutor.

Conselhos sobre a raça Yorkshire:

 

Os cães da raça Yorkshire são ótimos animais de companhia e convivem muito bem em apartamentos.  Porém, devido ao seu temperamento mais agitado, necessitam de exercícios físicos ao ar livre, com brincadeiras estimulantes para poder gastar a energia acumulada.

 

Mas é sempre importante que estes animais não sejam mantidos por tanto tempo fora de casa, já que são cães que não toleram muito bem temperaturas extremas, como muito frio ou muito calor.

 

E sempre que possível, é interessante promover a interação dos cães dessa raça com outras pessoas e animais para estimular um bom convívio com todos.

Características e Pelagem da raça Yorkshire

 

Os cães da raça Yorkshire possuem uma expectativa média de vida que gira em torno dos 12 a 14 anos, sendo animais de pequeno porte, com peso de até 3.1 kg e apresentando o tamanho da sua cernelha (região localizada entre os ossos do ombro e a base do pescoço) até o chão de 20 cm aproximadamente.

 

Ao nascerem, os cães da raça Yorkshire possuem a pelagem preta e castanha, e à medida que vão crescendo os pelos vão se tornando mais claros, até chegar à tonalidade da fase adulta que é a cor azul-aço e castanho (dourado).

 

Sua pelagem comprida, fina e sedosa requer cuidados como escovação diária e tosa, quando necessário.

 

Embora os cães da raça Yorkshire não costumem soltar muito pelo, a presença de nós geralmente é frequente.  Para resolver este problema, pode-se realizar uma tosa para diminuir o tamanho dos fios e facilitar a manutenção dos mesmos.

Saúde da raça Yorkshire

 

Um problema comum em cães da raça Yorkshire é a luxação de patela.

Esta condição ocorre quando a patela do animal sai da sua posição anatômica e frequentemente é de origem genética. Por isso, alguns criadores costumam realizar exames prévios em seus animais para tentar evitar que esta doença se perpetue nas gerações posteriores.

 

Alguns cuidados como evitar usar escadas e descer de grandes alturas, são necessários para tentar amenizar o aparecimento desta doença.

 

Outro problema que os cães da raça Yorkshire podem apresentar é a dentição dupla, ou seja, alguns dentes de leite não caem e continuam juntamente com os dentes permanentes na boca do animal, o que pode acabar causando mau hálito, gengivite e acúmulo de tártaro. Para uma boa avaliação da cavidade oral do seu pet, é importante levá-lo sempre ao médico veterinário de sua confiança.

 

Outro cuidado importante que se deve ter com esta raça é em relação à alimentação deles, pois os cães da raça Yorkshire possuem o estômago muito sensível e o aparecimento de problemas gastrointestinais pode ser frequente.

 

Então, manter uma alimentação balanceada e de qualidade para estes animais vai ajudar muito a diminuir a manifestação dessas alterações, além de garantir o brilho e a maciez do pelo do seu bichinho.

 

Uma dica é oferecer petiscos naturais, que você mesma pode fazer. Aqui tem um site que ensina: clique aqui.

Curiosidades da raça Yorkshire

 

É comum encontrarmos para vender Yorkshires considerados “mini”, “micro” ou “anão” que podem pesar menos de dois quilos. No entanto, isso não condiz com o padrão da raça e, mais do que isso, esses cruzamentos não são saudáveis – já que esses cachorrinhos acabam sendo extremamente frágeis e delicados.

 

Espero que esse texto tenha te ajudado.

 

Se você gostou, compartilhe com seus amigos nas redes sociais e ajude o blog Dicas Boas pra Cachorro a crescer!

 

Texto adaptado: Dr. Alexandre Figueiredo

Recomendados Primeiro Para Você:

Deixe uma resposta