TRANSPORTE DE ANIMAIS: COMO FAZER?


Cada vez mais as pessoas tratam seus animais como membro da família. E por este motivo, quando há uma possibilidade de viajar, você não pensa mais se vai viajar com o cachorro ou sem ele. É claro que ele vai junto (sempre que possível).
Bem, acontece que o transporte de animais no carro ou mesmo em avião, necessitam de certos cuidados e de seguir algumas regras de segurança. Desta forma, seu melhor amigo poderá viajar mais tranquilo e você também, pois saberá que ele está bem.
 
VIAJAR COM CACHORRO DENTRO DO BRASIL
A maioria das pessoas vai viajar com o cachorro de carro ou mesmo de avião para dentro do Brasil, pois afinal de contas, é muito mais fácil e barato também…
Mas de qualquer forma, é necessário que se você tenha em mãos a carteira de vacinação do animal, comprovando a vacinação contra a raiva e atestado de saúde emitido pelo médico veterinário com registro no CRMV-UF. Se no atestado constar que a vacinação contra a raiva está em dia, basta o atestado.
Qualquer médico veterinário pode emitir o atestado de saúde ou é necessário possuir cadastro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)?
Não existe cadastro no Ministério da Agricultura para emissão de atestado de saúde de cães e gatos, porém o médico veterinário deve estar registrado no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV).
Agora, além desta burocracia, é preciso ter em mente o bem estar do cachorro durante a viagem…
Caso o tempo de viagem seja maior que uma hora, é interessante que você procure conversar com o veterinário do seu animal e ver a possibilidade de fazer algum calmante ou mesmo sedativo leve para que o seu cachorro não fique muito estressado.
MUITO CUIDADO!!! Não dê nenhuma medicação ao seu cachorro sem a orientação do médico veterinário, pois mesmo medicações que já foram usadas por outras pessoas em seus animais, pode não ter o mesmo efeito no seu cachorro, e dependendo da dose, pode até matar!
Como transportar o cachorro?
A forma mais segura transporte de cachorro em avião é utilizando as caixas de transporte.
 
Cada companhia aérea possui as suas próprias regras em relação ao tamanho e peso permitidos das caixas, para isso, informe-se diretamente com a companhia aérea.
Mas como regra geral, uma boa caixa de transporte para o cachorro permite que ele consiga ficar em pé e se virar sem grande esforço. Caso a caixa de transporte não permita qualquer uma dessas opções, então ela está pequena para ele.
No carro, também pode-se utilizar a caixa de transporte, mas muito cuidado com o calor! É necessário que esteja com o ar-condicionado ligado ou com bastante ventilação.
Também há possibilidade do animal ir no banco de trás, com o cinto de segurança preso em um peitoral. Nunca prenda o cinto de segurança à coleira de pescoço, pois pode enforcar o animal. Existe cinto de segurança, vendido em pet-shop, específico para cachorros!
 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
O cachorro não pode ficar com a cara para fora do veículo! Além de provocar danos aos olhos, também corre o risco de causar algum acidente.
Procure deixar o cachorro em jejum antes da viagem, pois eles costumam enjoar com facilidade. Consulte o médico veterinário para prescrever alguma medicação para evitar isso.
Além disso, faça paradas com certa regularidade para dar uma volta rápida com seu cachorro… ele pode estar querendo fazer xixi ou mesmo “tomar um ar”.
Como viajar com o cachorro de avião para fora do Brasil?
Nossa! É tanta coisa que precisa saber que eu acho melhor você consultar diretamente o Ministério da Agricultura!
Segue aqui o link!
Tenha uma ótima viagem!
 


Recomendados Primeiro Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *