6 dicas para manter o quintal pet friendly.


Quintais e jardins são maravilhosos para relaxar, brincar e se divertir. No entanto, eles também podem ser perigosos para nossos pets e é nosso trabalho garantir que os lugares onde nossos cães brincam, exploram e usam o banheiro sejam os mais seguros possíveis. Ou seja, manter o quintal pet friendly.

Cães e outros pets acabam em salas de emergência veterinária todos os anos devido ao contato perigoso com inseticidas, herbicidas e plantas tóxicas para animais de estimação, entre outros perigos em nossos quintais, que na maioria das vezes nem sabemos que existem. 

Por isso fique atento a essas dicas para manter o quintal pet friendly e longe de perigos.

  1. Evite plantas tóxicas

Ao projetar e plantar seu quintal, é uma boa ideia ter em mente que muitas plantas populares ao ar livre são venenosas.

Por exemplo, palmeiras sagu e azáleas são tóxicos para os cães. A palmeira sagu e outros membros da família das cicadáceas, assim como os cogumelos selvagens, podem causar insuficiência hepática, enquanto lírios do vale, azáleas, roseiras e dedaleiras afetam o coração.

Evite que seus animais de estimação visitem outros quintais se você não tiver certeza do tipo de plantas ou flores que eles possuem. Manter seu animal de estimação longe de gramados com os quais você não está familiarizado, incluindo parques e outras áreas públicas, ajudará a mantê-los felizes e saudáveis.

  1. Pense duas vezes sobre inseticidas

Certifique-se de ler o rótulo do fabricante com atenção para o uso e armazenamento adequados. Alguns fertilizantes, herbicidas, grânulos, sprays e iscas inseticidas podem ser necessários para manter nossos quintais saudáveis, mas os ingredientes não são bons para nossos animais de estimação e crianças.

As formas mais perigosas de pesticidas incluem isca para caracóis com metaldeído, inseticidas sistêmicos que contêm disyston ou disulfoton, isca para mosca com metomil e a maioria das formas de venenos para ratos. Se você precisar usá-los, certifique-se de que seu cão não consiga acessar as áreas onde você espalhou produtos químicos até que eles tenham se dissipado.

Confie nas opções seguras para animais de estimação, se puder encontrá-las, e siga as instruções na embalagem sobre animais de estimação.

  1. Os fertilizantes são para plantas, não para animais

Quanto aos fertilizantes e adubos, podem até ajudar a manter nossos quintais saudáveis ​​e verdes, mas podem causar destruição no trato digestivo de nossos animais de estimação.

Certifique-se de seguir as instruções cuidadosamente e permitir o período de espera apropriado antes de deixar seu animal de estimação correr solto lá fora. Animais de estimação que ingerem grandes quantidades de fertilizantes podem ter problemas de estômago e podem sofrer obstrução gastrointestinal com risco de vida.

  1. Mantenha o composto fora do alcance

Faz uso de composteira? Alimentos e resíduos de jardim são excelentes adições ao solo do jardim, mas dependendo do que você está colocando em seu composto, alguns alimentos podem criar problemas para seus animais de estimação.

Café, alimentos mofados e certos tipos de frutas e vegetais, incluindo alguns caules, folhas e sementes são tóxicos para cães e gatos.

  1. Coloque as ferramentas de lado

Você deve armazenar adequadamente todas as ferramentas de jardim em uma área segura. Eles podem não parecer grande coisa, mas enxadas e espátulas podem ser perigosos para animais de estimação e crianças.

Lesões nos olhos, patas ou nariz causadas por ferramentas afiadas e enferrujadas também criam um perigo de tétano se seu animal de estimação perfurar a pele.

  1. Reduza os locais que possam servir de esconderijo de pulgas e carrapatos

Pulgas e carrapatos ficam à espreita, escondidos em arbustos altos e grama em seu quintal, por isso é importante manter a grama aparada e aparada.

As pulgas causam arranhões, possível perda de cabelo, tênias, crostas, pontos quentes e anemia por perda de sangue nos cães. Carrapatos podem causar problemas semelhantes e podem levar a complicações de várias outras doenças.

Fique atento(a) às nossas redes sociais, sempre trazemos novidades e dicas para seu pet 😉

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 
https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube
Nosso Blog:
https://www.dicasboaspracachorro.com.br
Siga-nos nas redes sociais:
https://instagram.com/dicasboaspracachorro
http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: