Cachorro Puxando a Guia: 5 dicas para corrigir o problema.


Ao contrário da crença popular, os cães não puxam a coleira enquanto passeiam porque desejam mostrar que são os líderes da matilha, o cão principal, o alfa ou o dominante sobre o humano. 

Existe uma explicação muito mais simples que não dá crédito ao mito de que os cães estão em busca de dominação mundial!

Os cães adoram estar ao ar livre e a caminhada é uma parte estimulante e excitante do dia, por isso o desejo de explorar o que há à frente é muito forte.

Os humanos não são parceiros ideais para passear, pois o ritmo natural e confortável de um cão é muito mais rápido que o nosso. 

Ter que caminhar calmamente ao lado de uma pessoa quando a única coisa que um cão realmente deseja é correr e investigar seu ambiente exige um grau de controle de impulso que pode ser muito difícil para alguns cães utilizarem.

Dito isso, todos os cães precisam ser ensinados a andar na coleira de maneira positiva, sem dor ou desconforto, para que um passeio seja agradável para todos.

Como impedir que o cachorro puxe a guia?

Dica 1:

O puxão da coleira costuma ser bem-sucedido para o cão porque a pessoa, sem saber, reforça o puxão, permitindo que o cão chegue onde deseja quando puxar. 

Mas você pode mudar essa imagem mudando a consequência para o seu cão.

  • Quando ele puxar, pare imediatamente e fique completamente imóvel até que a guia relaxe, seja pelo seu cão dando um passo para trás ou se virando para lhe dar passagem. 
  • Com a guia bem relaxada, continue sua caminhada. 
  • Repita conforme necessário.

Dica 2:

Você também pode reforçar a decisão de seu cão de andar perto de você dando-lhe uma recompensa motivadora quando ele estiver ao seu lado.

Dica 3:

Usar a coleira adequada.

Um peitoral é um auxílio de treinamento perfeito, pois tira a pressão do pescoço sensível de um cão ao distribuir a pressão de maneira mais uniforme pelo corpo. 

Quando a guia é presa a um anel localizado na faixa torácica e o cão puxa, a coleira vira o corpo dele em vez de permitir que ele avance. 

Recomendo este tipo de peitoral para quem precisa de ajuda extra, pois a segurança tem que estar em primeiro lugar.

Dica 4:

Esse é o método da direção reversa. 

Quando seu cão puxar, dê um comando de voz, como um ‘Vamos lá’. Em seguida, vire-se e caminhe na outra direção, sem puxar a coleira.

Você pode evitar puxões motivando seu cão a segui-lo com uma voz animada para chamar sua atenção. 

Quando ele estiver seguindo você e a guia estiver relaxada, volte e continue seu caminho. Pode demorar algumas voltas, mas seus comandos vocais e linguagem corporal deixarão claro que puxar não será reforçado com o movimento para a frente, mas caminhar calmamente ao seu lado ou mesmo ligeiramente à sua frente com uma guia solta permitirá que seu cão vá para onde ele quer ir.

Dica 5:

Depois que seu cachorro estiver ouvindo mais você, você pode variar ainda mais a situação tornando-se você mesmo imprevisível. 

Isso significa que seu cão deve ouvi-lo o tempo todo, porque ele nunca sabe quando você se virará ou para onde irá em seguida. 

Em vez de se afastar dele quando der o comando: Vamos!, inverta a direção virando-se para ele. 

Você pode girar em um círculo ou fazer um oito. Qualquer uma dessas variações chamará a atenção do seu cão. 

Não se esqueça de elogiá-lo por obedecer, pois quanto melhor você o fizer sentir ao caminhar perto de você, mais ele escolherá seguí-lo.

 

Agora que o cachorro puxando a guia não vai mais ser um problema para você, confira nosso post sobre as coleiras e descubra qual a coleira ideal para o seu cão:

 

 

Fique atento(a) às nossas redes sociais, sempre trazemos novidades e dicas para seu pet 😉

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 

https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube

Nosso Blog:

https://www.dicasboaspracachorro.com.br

Siga-nos nas redes sociais:

https://instagram.com/dicasboaspracachorro

http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: