Comedouro para cães: Qual é o ideal para o meu?


Pode não parecer, mas o comedouro pode ser um grande aliado na saúde alimentar do seu cãozinho. A quantidade de comida varia bastante para cada animal, levando em conta o porte, idade e até a raça dele, por isso o comedouro deve ser muito bem pensado para resistir ao seu cãozinho e para comportar a quantidade de ração que ele vai precisar para crescer de forma saudável.

Qual o tamanho ideal de comedouro para cães?

Os comedouros para cães seguem uma sequência lógica comum para os tamanhos: pequeno, médio e grande, sendo no geral proporcionais ao tamanho dos animais e a capacidade para comportar a medida correta necessária de ração para cada um.

Existem ainda as questões de altura, cães de grande porte precisam de comedouros em alturas mais elevadas para manterem uma boa postura na hora da alimentação. Para isso existem algumas plataformas específicas para essa elevação.

Qual o material ideal de comedouro para cães?

No mercado você encontra comedouro para cães em vários materiais, sendo os mais comuns os de plástico, cerâmica, aço inoxidável e alumínio.

Normalmente, os comedouros feitos de aço são mais fáceis de lavar e são mais resistentes, tornando-os mais procurados pelos tutores quando comparados aos outros. Esses comedouros para cães e que são feitos de aço apresentam em alguns modelos uma borracha antiderrapante que ajuda bastante os cães na hora de comer a não espalharem ração pela casa toda conforme vão empurrando os potinhos.

Os comedouros para cães feitos de cerâmica são igualmente práticos para limpar, porém são menos resistentes e qualquer rachadura no material pode se tornar um local de acúmulo de bactérias. 

Os comedouros de plástico são os mais baratos, mas são menos resistentes e assim como os de cerâmica, caso exista alguma rachadura no recipiente bactérias podem se acumular ali. 

Os de alumínio, podem ser excelentes opções no quesito resistência e preço, porém o material pode causar alergias em alguns cães. Então, é legal observar bastante os animais que utilizam comedouros feitos de alumínio para ver se apresentam alguma reação alérgica ao material.

Independentemente do material, existem alguns tipos “especiais” de comedouros para cães.

Tipos de comedouros para cães:

Clássicos:

Os famosos potinhos, de diferentes formatos, materiais e tamanhos. Geralmente são os mais utilizados e escolhidos pelos tutores

Automáticos:

Existem no mercado comedouros que possuem um abastecimento automático à medida que os cães comem a ração. Porém, esse comedouro não é muito indicado, pois deixa a ração a disposição dos animais e isso pode trazer problemas para o cão que pode comer demais  e também para a ração que exposta pode perder nutrientes ou estragar.

Você pode saber mais sobre deixar a ração a disposição do seu cachorro no post:
7 Motivos para NÃO deixar ração à vontade para o cachorro!

Comedouros interativos/lentos:

Existem ainda os comedouros para cães que comem muito rápido e/ou são muito ansiosos. Esses comedouros possuem labirintos e pequenos obstáculos que obrigam o cão a comer mais devagar, justamente por limitar a quantidade de ração que conseguem pegar em uma bocada.

Uma atenção especial deve ser dada aos cães com focinho achatado (braquicefálicos), eles podem ter dificuldades caso o comedouro seja muito fundo, por isso, para esses cães o ideal é que sejam potinhos mais rasos.

Para cães com orelhas grandes o ideal é que sejam utilizados comedouros com bordas mais altas e aberturas menores para evitar que a orelha caia na comida/água.

Fique atento(a) às nossas redes sociais, sempre trazemos novidades e dicas para seu pet 😉

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 

https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube

Nosso Blog:

https://www.dicasboaspracachorro.com.br

Siga-nos nas redes sociais:

https://instagram.com/dicasboaspracachorro

http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: