O envelhecimento em cães e os cuidados que devemos ter


Envelhecimento em cães é um processo natural (e até esperado), com a diminuição do ritmo ao realizar atividades corriqueiras, desde brincar, correr, passear ou realizar exercícios.

Envelhecimento em cães… já pensou sobre isso? Essa fase da vida contribui para um quadro de sedentarismo e aumento do ganho de peso, daí a importância de realizar exames de forma preventiva, seja para o manejo da dor, seja para o controle de doenças já instaladas.

O @dicasboaspracachorro esclarece os efeitos do envelhecimento em cães, a idade em que o cão é considerado idoso e os cuidados relacionados à medicina veterinária preventiva e manejo por parte do tutor.

 

 

Envelhecimento em cães e os cuidados relacionados a esses amigos de longa data: 

 

O primeiro tópico da lista é a doença periodontal. Ela se dá devido ao acúmulo de restos alimentares na boca do cachorro, levando a um acúmulo de placa bacteriana resultando no tártaro. Começa a se desenvolver a partir do 3° ano de idade, mas com o passar do tempo as bactérias presentes nestas placas pode cair na corrente sanguínea e prejudicar órgãos vitais como fígado, rins, coração e articulações.

 

 

Com o envelhecimento em cães e a diminuição do gasto calórico, o cachorro sem o manejo adequado da dieta tende a se tornar obeso, corroborando para quadros de diabetes, hipertensão arterial, doença renal e cardíaca, entre outros fatores. Aqui no Blog, temos um artigo completo sobre a obesidade em cães.

Já o sedentarismo decorrente do envelhecimento em cães, por sua vez, inicia ou agrava problemas locomotores. Podemos citar como exemplo a osteoartrite, a displasia coxofemoral (bacia), problemas de joelho e coluna.

 

 

No caso de animais não castrados, o envelhecimento em cães também aumenta as chances de desenvolverem tumores mamários, de próstata e testículos. Para saber mais sobre os benefícios da castração em cadelas e cães, é só acessar os links. 

Envelhecimento em cães, em que momento se dá esse envelhecimento? 

Não existem dados precisos sobre o envelhecimento em cães. Porém, quanto maior o porte do cão, mais rápido se inicia esse envelhecimento. Regra geral, cães iniciam o envelhecimento a partir da metade do tempo de vida estimado para eles.

 

 

Sendo assim, cães de porte grande e gigante com expectativa de vida de 10 a 12 anos em média, iniciam o envelhecimento a partir do 6° ano, ao passo que as raças mini, pequenas e médias que podem viver até 18 anos ou mais, iniciam o envelhecimento mais tarde.

Envelhecimento em cães: conheça os exames necessários e por que devem ser feitos 

 

O recomendado é que as consultas e check-ups sejam realizadas a cada 6 meses, razão pela qual algumas doenças progridem sem apresentar sinais clínicos evidentes. Exames preventivos são fundamentais para um diagnóstico precoce e tratamento veterinário pontual.

Dentre os exames, podemos citar a avaliação do peso, temperatura corporal, saúde oral, avaliação cardíaca e pulmonar, além dos exames de sangue, fezes e urina, caso necessário.

 

Seu cão é idoso e está com a saúde em dia, tudo certo? 

 

Os cuidados não param por aí. O envelhecimento em cães também confere baixa acuidade visual, dificuldade para subir e descer de camas e sofás e alimentação adequada para a sua idade, incluindo exercícios. Para saber mais sobre a perda gradual da visão dos cães, clique aqui

Para manter a manutenção da sua saúde e oferecer melhor qualidade de vida para o cão idoso, vale fazer uso de rampas de acesso, evitar alterar a disposição dos móveis, oferecer ração para cão sênior, caminhadas curtas e diárias, incluindo a possibilidade de hidroginástica, fisioterapia e acupuntura.

 

 

Essas terapias complementares favorecem o gasto calórico, evitam movimentos de impacto, reforçam a imunidade do cão, fortalecem a musculatura e tornam a rotina do cão mais rica e diversificada.

Ter um cão idoso em casa significa aumentar o grau de cuidado e atenção com eles.

Lembre-se a prevenção é o melhor remédio!

 

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 

https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube

Nosso Blog:

https://www.dicasboaspracachorro.com.br

Siga-nos nas redes sociais:
Instagram: https://instagram.com/dicasboaspracachorro
Facebook: http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: