Óleos essenciais são recomendados para cães?


Muitas pessoas ligam erroneamente que coisas naturais são seguras para usar/comer. Mas nem sempre, basta olhar a quantidade de alimentos que fazem mal para os cães. O mesmo acontece com a crescente popularidade dos óleos essenciais. Será que os óleos essenciais são recomendados para cães? 

E talvez você se surpreenda, mas nem todos os óleos essenciais são recomendados para cães. Alguns podem ser inclusive letais.

O que são os óleos essenciais?

Os óleos essenciais são componentes concentrados de plantas. Por serem óleos concentrados são extremamente fortes e podem causar reações a alguns deles, mesmo que a gente não tenha histórico de reações alérgicas ao produto base do óleo.

A nomenclatura se dá por ser extraído de partes essenciais das plantas como semente, fruta, casca, flor, raiz e outras.

Óleos essenciais são recomendados para cães?

Como já mencionamos rapidamente, os óleos essenciais podem fazer mal aos cães se usados de forma incorreta.  

Você precisa ter em mente que os óleos essenciais são substâncias concentradas/fortes e que os cães são mais sensíveis que nós humanos, então precisamos ter bastante cuidado na manipulação desses óleos. Caso você opte por utilizar óleos essenciais para fins de relaxamento ou prevenção de alguma coisa no seu cãozinho é importante que procure o veterinário do seu pet para descobrir quais tipos de óleos ele pode usar, e como utilizá-los.

O mesmo vale para os difusores de óleos essenciais. Inclusive se você tem o costume de usar difusores com óleos essenciais e agora tem um cãozinho em casa, é importante observar se ele apresenta alguma reação a essa rotina, mesmo que não seja voltada diretamente para o seu doguinho, e sim para o ambiente.

Outro ponto importante é que você espere sua pele absorver os óleos essenciais que você utiliza antes de ter contato com o seu cãozinho, para evitar que ele possa lamber este óleo ainda na sua pele.

Quais são os riscos de óleos essenciais para os cães?

Os óleos essenciais podem causar os seguintes sintomas de intoxicação no seu cãozinho:

  • Letargia
  • Baba excessiva
  • Vômitos
  • Tremores musculares
  • Diminuição da temperatura corporal
  • Dificuldade de respiração
  • Dificuldade em movimentos (Ex.: andar)
  • Patas sendo constantemente levadas à face/focinho
  • Alguns comportamentos diferentes do normal.

Óleos essenciais proibidos para cães:

Como eu disse, é importante antes de utilizar óleos essenciais procurar seu veterinário para verificar quais óleos pode utilizar. Nessa lista contém os que você NÃO pode, de forma alguma, utilizar para seus cães. Porém, a lista não se limita a esses e é importante procurar saber sobre os que não estejam nessa lista com o seu veterinário.

  • Anis
  • Canela
  • Cravo
  • Alho
  • Orégano
  • Alecrim
  • Tomilho
  • Hortelã

Caso o óleo que você vá utilizar seja um mix de outros tipos, certifique-se de quais estão sendo misturados para evitar qualquer problema e a presença de algum desses que sejam proibidos para os cães.

Tendo aprovação do veterinário para utilizar óleos essenciais com seu cãozinho, não esqueça de mantê-lo sempre em observação e a qualquer comportamento diferente do normal não hesite em procurar o veterinário.

Fique atento(a) às nossas redes sociais, sempre trazemos novidades e dicas para seu pet 😉

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 

https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube

Nosso Blog:

https://www.dicasboaspracachorro.com.br

Siga-nos nas redes sociais:

https://instagram.com/dicasboaspracachorro

http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: