Possessividade agressiva em cães: O que fazer e não fazer nesses casos


Você em algum momento já viu o seu cãozinho que é extremamente dócil, carinhoso e educado se transformar quando alguém ou algum outro animal chega perto daquele brinquedo preferido dele? Se ele rosna, late e até tenta avançar em quem se aproxima desse objeto preferido dele, temos um caso de possessividade agressiva em cães.

A possessividade agressiva em cães pode acontecer em qualquer raça e pode ser controlada e treinada para não se tornar problemática. Quanto antes esse comportamento for tratado, maior a eficiência dos treinamentos.

Origem da possessividade agressiva em cães

O segundo fator que explica a possessividade agressiva em cães, ainda está tecnicamente ligado ao fator genético e é a raça. Algumas raças têm cães mais possessivos, são os casos dos rottweilers, cocker spaniels, jack russel, os famosos pinschers e até mesmo a raça golden retriever.

O terceiro fator que explica a possessividade agressiva em cães, independe de fatores genéticos e da “história” da ninhada do cão. Esse fator é a criação. A forma como o filhote vai ser criado determinará o seu comportamento pelo resto da vida. Um exemplo claro é quando você vai pegar um objeto ele rosna e você deixa com ele, isso fará ele entender que basta rosnar que terá o objeto.

Como evitar a possessividade agressiva em cães?

Como já mencionamos, a melhor maneira de evitar a possessividade agressiva em cães é educá-los desde cedo. Mas isso não quer dizer que cães mais velhos não conseguem ter esse comportamento revertido.

Sendo a possessividade relacionada a um objeto ou pessoa da família, o ideal é não retirar isso do cachorro à força, principalmente quando ele já está inseguro e desconfiado com a situação da aproximação. A melhor maneira de diminuir é transformar essa situação de aproximação em algo agradável para o animal, e isso pode ser feito oferecendo petiscos a ele.

Vá se aproximando cada vez mais, oferecendo petiscos a ele, sem demonstrar muito interesse no objeto que ele sente “ciúmes”. Mas lembre-se de respeitar sempre o limite do animal. Em situações de estresse é muito difícil se antecipar às reações que eles podem ter.

 

→ Este vídeo no nosso canal do Youtube fala um pouco sobre sentimentos caninos, confira: 

O ideal é prevenir que esse comportamento seja desenvolvido pelo animal, mas às vezes devido a rotina isso pode se tornar um pouco difícil, mas mesmo os cães adultos podem ser treinados para um bom comportamento depois de apresentarem sinais de possessividade agressiva em cães

 

Fique atento(a) às nossas redes sociais, sempre trazemos novidades e dicas para seu pet 😉

INSCREVA-SE também no canal do Youtube! 

https://www.dicasboaspracachorro.com.br/youtube

Nosso Blog:

https://www.dicasboaspracachorro.com.br

Siga-nos nas redes sociais:

https://instagram.com/dicasboaspracachorro

http://www.facebook.com/dicasboaspracachorro

Recomendados Primeiro Para Você: